Permanente no cabelo

permanente no cabeloQue os cabelos lisérrimos são preferencia nacional é fato, mas os cacheados ainda ocupam um espaço significante entre as mulheres brasileiras.

Se você possui cabelos lisos e deseja cachos ou se tinha cachos e se arrependeu de um alisamento, foi justamente pensando nisso que desenvolvemos o artigo de hoje, Permanente no Cabelo.

Explicaremos como retomar a forma dos cabelos cacheados após se arrepender do alisamento ou ainda apostar nos permanentes para conseguir os tão desejados cachinhos, quais são os procedimentos indicados e os que não poderão ser realizados, confiram.

 O que é permanente no cabelo

O permanente é o procedimento químico que tem por finalidade mudar a forma dos cabelos, acrescentando cachos, já foi muito explorado em meados da década de 80 e hoje completamente repaginado ainda faz algumas cabeças.

A técnica que esta sendo utilizada no procedimento de permanente no cabelo, na realidade, é a grande diferença nos dias atuais, porque o produto para todo o processo possui o mesmo princípio químico dos alisamentos ou relaxamentos desde o passado, portanto, o que se viu inovado foram os cuidados acrescentados ao procedimento, que contou com a divulgação de informações técnicas e teóricas dos últimos tempos, ampliadas de maneira significativa após a revolução nos meios de comunicação (internet), que diga-se de passagem, ajudou bastante a capacitar muitos profissionais da área.

Você sabe como este tipo de produto age na fibra capilar?

O permanente, assim como o alisamento, alisa os fios primeiro para depois conferir novo formato, o produto altamente alcalino é aplicado nas madeixas para que o fio se torne permeável, abre a cutícula, e após aberta o tioglicolato de amônio (neste exemplo foi utilizada esta base, mas poderá ser outra também) penetra na fibra e altera sua estrutura para alisar ou ondular permanentemente.

Retirado o tioglicolato de amônio é aplicado um reestruturador a base de cistina nos cabelos, a química é neutralizada, e um novo formato de fio é adquirido, pois o cabelo foi tratado quimicamente para que o modelo estrutural da fibra se fixasse de forma lisa ou em cachos.

Parece simples mas ter cautela no processo é essencial, porque os produtos utilizados para fazer o permanente nos cabelos são muito agressivos, de pH bem alcalino, não deverão entrar em contato com o couro cabeludo, falha que inclusive custou os cabelos de muitas pessoas no passado, já que causou danos irreparáveis.

Fiz alisamento, me arrependi, posso fazer permanente nos cabelos?

Não pode, como explicamos anteriormente, os cabelos passarão pela mesma agressão do alisamento, os produtos possuem a mesma base, portanto, aplica-lo novamente nos fios tentar rearranjar sua estrutura mais uma vez não é aceitável, o cabelo perde totalmente a forma, fica sem vida e sem movimento, quando não se rompem. Além disto, ainda existe a questão de compatibilidade de químicas dos produtos utilizados nos procedimentos.

Agora, se você alisou as madeixas e quer desesperadamente os cachos de volta, não tem como, só cortando, e o melhor é cortar de uma única vez toda a parte alisada para que o cabelo possa crescer forte, renovado e uniforme.

Mas se lhe falta coragem para cortar os cabelos curtinhos a saída é ir cortando aos poucos, e tratar a raiz com produtos mais suaves, que não retirem a forma, buscando diminuir o contraste entre raiz e comprimento. O corte em camadas é uma boa pedida já que retira muito sem mexer no comprimento.

Fiz progressiva agora quero permanente nos cabelos posso?

A grande maioria dos produtos utilizados para progressivas são compatíveis com os utilizados para permanente nos cabelos, desde que se faça uma análise da fibra capilar, ouça as indicações de um profissional e realize o teste da mecha, pode sim.

Fica a dica:

A questão destas escovas disciplinadoras, como progressiva, por exemplo, é que elas possuem efeito gradativo, enquanto mais são feitas mais se alisa os fios, se você fez uma vez e não gostou do efeito poderá até retomar a antiga forma das madeixas se abandonar o procedimento e ir tratando os fios.

Gostaram de nosso artigo  “Permanente no cabelo“? Comentem no site, nos relate suas experiências, coloquem suas dúvidas. Confira também nosso curso Pro Hair, e vídeo Luzes e Mechas, para mais detalhes deste e outros assuntos.

 

Dica Importante!

O sucesso de um cabeleireiro está no quanto ele é conhecido e respeitado, assim é muito importante aprender e se manter atualizado, seja através de cursos presenciais ou cursos como o Curso de Cabeleireiro Pro Hair, onde é possível aprender em casa. Invista em você!


Comentarios

7 comentários sobre “Permanente no cabelo
  1. BRUNA RIBEIRO disse:

    BOA NOITE! TENHO FEITO USO DO ÁCIDO GLIOXÍLICO POR 3 VEZES, MAS ANTES USAVA A PORTIER OU TURMALINA. MINHA DÚVIDA É A SEGUINTE: TEM COMO EU RETORNAR AO MEU CABELO NATURAL CACHEADO COM O PERMANENTE. SE TEM, COMO SERIA O PROCEDIMENTO, POIS AINDA TENHO UM POUCO DE LUZES NO MEU CABELO, E SE NÃO; COMO PODERIA ESTAR TRATANDO DELE, POIS NÃO TENHO INTENÇÃO DE COTÁ-LO, E ELE TÁ ABAIXO DO OMBRO E EU O ADORO. OU SE EXISTE ALGUM PRODUTO NO MERCADO QUE EU POSSA ESTAR USANDO PARA ATIVAR OS CACHOS NA PARTE QUE ESTÁ ALISADA? POR FAVOR ME ORIENTEM, POIS ESTOU NA DÚVIDA E NÃO QUERO SER ENGANADA POR NINGUÉM.. OBRIGADA PELA ATENÇÃO!

    • mirella disse:

      Bruna não recomendo o permanente, o produto para o procedimento vem causando muitos transtornos a quem já faz uso destas escovas. Quanto aos cachos só cortando mesmo para tê-los novamente, ou apelando para babyliss, com mouse, spray fixador e procedimentos do gênero.

  2. Jocelli Berto disse:

    Ola, tenho os cabelos lisos e resolvi fazer os cachos permanente… ficou terrível,,, uma vassoura péssima. Não ficaram os caracóis esperados, o cabelo mega ressecou, e agora nao tenho os lisos e nem os cachos, só uma terrível vassoura. Posso fazer uma progressiva, em qto tempo? Aguardo, obrigada.

  3. Débora disse:

    Oi se possível você poderia me tirar algumas dúvidas? Meu cabelo é naturalmente cacheado mais sem definição além de ser muito seco e volumoso, por isso sempre recorri a progressiva, mas o efeito liso nunca durava muito além de deixar meu cabelo muito frágil e quebradiço. Por isso resolvi voltar a ter cabelo cacheado a última vez que fiz progressiva foi a cerca de 2 anos.
    Como meus cachos nunca tiveram definição tenho vontade de fazer permanente afro, a cerca de 1 ano enquanto conversava com uma cabeleireira sobre minha vontade de voltar a ter cachos e meu problema de ter muito volume na raiz ela me convenceu a fazer relaxamento apenas na raiz e metade do cabelo para abaixar o volume e depois procurar um salão que fizesse permanente e pedir para que fizessem do meio do cabelo para as pontas para assim conseguir os cachos. Alguns meses depois encontrei um salão que faz permanente e a cabeleireira me informou que o permanente não pode ser feito em cabelo com qualquer tipo de química, por isso deveria esperar toda a progressiva e o relaxamento sair do cabelo.
    Estou a cerca de 1 ano cortando meu cabelo regularmente e lavando ele quase todos os dias com shampoo anti-resíduos e hidratando. Mas a raiz e o topo do meu cabelo está extremamente seco e embaraçado, no meio está um pouco liso e nas pontas está cacheado.
    Embora tenha vontade de fazer permanente tenho medo que meu cabelo ainda tenha um pouco de química, e pesquisando na internet vi muitas matérias e relatos de pessoas aconselhando a não fazer permanente, pois deixa o cabelo seco e frisado e demora muito para sair do cabelo.
    Minhas dúvidas por tanto são se é aconselhado fazer permanente e se ele realmente deixa o cabelo seco, e fora o permanente quais outras alternativas eu posso procurar para ter o cabelo cacheado.
    À espera de resposta obrigado.

    • mirella disse:

      Débora a química do permanente é semelhante a do relaxamento e alisamento, o que difere é a forma como são trabalhados, portanto, tem sim que haver toda uma manutenção para repor a massa perdida da fibra capilar, resumindo, tem que tratar assim como relaxamento ou alisamento os danos são equivalentes. Se existem áreas que estão alisadas no comprimento é provável que ainda não estejam crescidos o suficiente para uma nova química, shampoo anti resíduo não remove química de relaxamento, a estrutura do cabelo foi modificada permanentemente. Cachos só com baby liss até que os cabelos cresçam e estejam saudáveis para um novo processo.

  4. Lucy disse:

    Nossa, odorei td isso aqui.
    Tirei tds as duvidas.
    Já faço progressiva há uns cinco anos, já tive dois cortes químicos, fui tratar do meu cabelo em um dermatologista, com o tempo ficou ralo e com pouco crescimento.
    Para corrigir as raizes comecei a chapar, isso sumiu de vez com meus cachos. Meus cabelos são finos, crescem muito pouco, mas estou pensando em fazer um teste, além da progressiva, estão com luzes…. Agora quero meus cachos, chega de boi lambeu! rsrsrsrsr Obrigada!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Curso de Cabeleireiro

Cabelos cacheados

Cabelos Ondulados

Cabelos Ondulados...

 Todos os tipos de cabelos pos[...]

Permanente nos Cabelos

Permanente nos Cabelos...

Não há uma mulher nesse mundo [...]

Cabelos Cacheados Curtos

Cabelos Cacheados Curtos...

Quando se fala em cabelos cach[...]

Cabelos Encaracolados

Cabelos Encaracolados...

As mulheres estão sempre insat[...]

Cabelos Curtos Cacheados

Cabelos Curtos Cacheados...

Não existe um cabelo que causa[...]

DVD Luzes e Mechas